terça-feira, 31 de março de 2009

Não existiria som, se não houvesse o silêncio...e tudo que cala fala mais alto ao coração!

Sou fruto do que acredito...

... tenho tanta fé no que pressinto, que por mais que tente me convencer de que tudo não passa de um conto de fadas da minha imaginação adolescente, meus poros respiram esperança. Não consigo disfarçar, falo por gestos, confesso pelo olhar perdido no vazio, que busca sua imagem e a vê, entre a multidão, em outros rostos.

Minhas mãos tateiam a cama vazia, como que em busca de algo que um dia já esteve ali, embora elas saibam que nunca esteve, e ansiosas, aguardam por reconhecer a textura da sua pele. Minha boca se abre, se mexe, canta, pragueja, se morde, como se sentisse falta da sua boca, mesmo que nela não tenha tocado.

E para minha surpresa, todos estes sentimentos não me são estranhos, ainda que não os tenha vivido... eu conheço a textura da sua pele, o cheiro do seu corpo, o gosto da sua boca, a sensação de ser totalmente envolvida por seus braços, de sentir suas mãos em mim. Estranhamente, eu conheço...

Preferia não sentir nada... preferia não querer, preferia não sonhar, sequer lembrar dos sonhos... rejeito esta certeza que me liberta mas me prende, odeio ser ambígua em todas as partes do meu ser, não suporto admitir que ele mexe comigo, que ele domina meus pensamentos!

Seus defeitos me fazem perceber o quão humano ele é... sim, ele os tem, e os que mais abomino...

Mas o que mais me irrita é ver nele todas as qualidades que sempre sonhei encontrar em um homem. Perfeito, como sempre imaginei! Queria me apegar aos defeitos, queria ve-lo como um ser real, cheio de falhas, de medos, de insegurança... Mas ressaltam suas qualidades, e eu esqueço que não estou descrevendo um herói romântico, e novamente o diferencio dos demais.
Quando olho em seus olhos ao fechar os meus, me imagino sob a luz do seu sorriso que por tantas vezes se abriu para mim, e também meu sorriso se abre espontaneamente, sem que eu tenha qualquer tipo de controle sobre meus sentidos. Meu corpo se arrepia, suo frio, e novamente estou envolta em pensamentos e desejosa de ser sua! Que sofrimento!

Admitir que não sei lutar contra ele é um martírio diário, um exercício permanente de paciência e busca de auto-conhecimento, pois sei íntimamente que seu sorriso quando se abre me deixa sem defesa, e que ainda que eu ame o seu silêncio tal qual a sua voz, só o pensamento que me leva até sua presença já é suficiente para encher minha vida de som, de música, de dança, de cor!
"... amo calado como quem ouve uma sinfonia de silêncios, e de luz..."
(autor desconhecido)
¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y¯Y
Ci>> " silenciosamente, eu te falo com paixão... e tem certas coisas que não sei dizer... e digo!"

Êxtase... (una canción de una muy querida amiga!!!)


"TU LLEGASTES A MI VIDA ASI,
COMO UN SUSPIRO TU LLEGASTE ASI
PROFUNDO COMO EL MAR, NACIÓ ASI NUESTRA AMISTAD
QUE EMOCIÓN, HAY ! QUE EMOCIÓN ..
QUIERO CONOCERTE CADA DIA MAS,
ABRE TUS PUERTAS QUE YO QUIERO ENTRAR
VEN CONFIA EN MI, NO TE DECEPCIONARE
CONFIA EN MI, EN MI, CONFIA EN MI ..
TU ERES MI PAZ, MI PRINCIPIO Y FIN,
MI ALEGRIA Y MI INSPIRACIÓN
YO NO SE QUE ESTA PASANDO,
ESTOY SINTIENDO ALGO EXTRAÑO ..
CREO QUE ES AMOR, HÁ ! CREO QUE ES AMOR !
LLEGASTE ASI A MI VIDA
POQUITO A POCO LLEGASTES A MI CORAZÓN
LLEGASTE ASI A MI VIDA
COMO UNA ONDA QUE VIENE DEL MAR
LLEGASTE ASI A MI VIDA
TU ERES MI INSPIRACIÓN, MI PAZ Y MI ALEGRIA
LLEGASTE ASI A MI VIDA
ME SIENTO EXTASIADA CUANDO ESTAS A MI LADO
LLEGASTE ASI A MI VIDA
QUISIERA DERRAMARME EN TU CUERPO Y SENTIR TODA
TU HUMANIDAD
LLEGASTE ASI A MI VIDA
AMARTE Y AMARTE HASTA LA ETERNIDAD
LLEGASTE ASI A MI VIDA
CREO QUE ES AMOR, CREO QUE ES AMOR LO QUE YO SIENTO
EN EL ALMA
LLEGASTE ASI A MI VIDA
ESTOY FELIZ POR TENERTE AQUI A MI LADO"

(compositor: Claudia Milena Zúñiga Matus)

***********************************************
Ci>> Sólo no está a mi lado, pero así él entró en mi vida, como dijo tu canción! y se quedó, ya que ahora és dueño de todo mi corazón, lo admito... Él es cómo el sol, pues todavía qué no lo vea, ¡tengo certeza qué él está allá, es la musica que me hace bailar...! Él es toda mi certeza, un regalo del destino.... mi dios y mi cruz. A mí, basta saber que él existe, pues él me inspira ser alguien mejor, y nada mas espero de él... ¡Y tan solo por eso mis días ya son bien mejores!!!
Gracias por la canción, Claudinha! Besitos y suerte, niña!

segunda-feira, 30 de março de 2009

Desejar é fácil

Desejar – seja lá o que for – é algo fácil. Desejar não implica compromisso ou planejamento a cumprir para conquistar o objeto do desejo. Além disso, é possível desejar qualquer coisa. Por isso, desejar é diferente de ter um objetivo. Se mais do que desejar você estabelecer o objetivo e o prazo para esta conquista, naturalmente será visualizado um plano. E quem tem plano avança para a conquista de tudo o que deseja. E aí? Vai demorar para entrar em ação ?
Você é resultado de um passado entregue para o presente com uma possibilidade de futuro. Isso não é emocionante? Um objetivo para um bom futuro pode ser determinado agora, caso você ainda não tenha. Um objetivo único não pode resumir sua missão, naturalmente. Tenha muitos objetivos. Não basta o sucesso profissional e o dinheiro que ele traz. Precisa amar e ser amado, coisa que o dinheiro não compra. Há que ter saúde e amizades sinceras, que quase nunca estão ao alcance do dinheiro. Ter uma relação com o sagrado, o divino, também é confortante e também não está a venda.
Tenha como objetivo a felicidade.
Este deve ser seu norte e também seu oriente. Para alcança-lo só existe um modelo de atuação com resultados comprovados por milênios: força de caráter e valores éticos. Assim, as menores ações ou pequenas escolhas do dia produzirão grande riqueza e felicidade. As tangíveis e as intangíveis. Com os valores do seu caráter, definindo onde você quer chegar, será fácil organizar o “como” chegar. Ao mesmo tempo será natural escolher "com quem" você vai seguir o seu caminho.
(Do blog do Primeiro Programa)
**********************************************
Ci>> Não é difícil... mas também não é como marcar os compromissos de amanhã na agenda. Objetivo é uma palavra que ouvimos a todo instante, principalmente na faculdade, mas são poucas as pessoas que têm pelo menos 1 verdadeiro objetivo na vida, daqueles de se perseguir enquanto houver ar prá respirar. Traçar um objetivo para a vida, independente de qual seja ele, é ter a certeza de que, por mais difícil que possa parecer, você vai conseguir realizar; que por mais longe que possa estar, há uma chance de chegar lá, de ter, de conseguir. Mas, muito mais do que estipular nossos objetivos, baseados em nossos desejos claro, é preciso compromisso em primeiro lugar, compromisso próprio, com as próprias convicções, com as próprias certezas. Como querer que outros acreditem em nós se duvidamos do que queremos ? Ter compromisso com nossos propósitos significa acreditar que eles são plenamente atingíveis, e baseados neste DESEJO de consegui-los, construir dia-a-dia o caminho a ser trilhado. Se você não acredita que é possivel, você não deseja com todo o seu desejo, com o seu desejo inteiro... Portanto você nunca vai alcançar, jamais vai ter e pior de tudo, não vai conseguir convencer os outros que realmente quer!!! É possível... confie!
Baci...

domingo, 29 de março de 2009

O amor consegue sincronizar dois mundos distintos em um só ser.
Há o mundo da razão, do equilibrio, do sorrir, do saber ser feliz, do incondicional.
E há o mundo da solidão, da saudade, do arrependimento, da impotência, do medo.
Definir o amor é descrever-se no mundo o qual você se encontra.
Scarlett Oliveira
(by Leonardo - Do Blog Amigos do Freud)
********************************************
Ci>> ainda há mais mundos nestes dois que a autora descreve.... há o mundo do orgulho, e o da entrega total, o mundo do dia, quando já é noite, do inverno quando é verão, das palavras e do silêncio, da presença e da ausência, dos sonhos e dos pensamentos...

Em qual mundo você vive? E em qual mundo você está agora? Melhor pergunta, ONDE VOCÊ QUER ESTAR???

sábado, 28 de março de 2009

... Mais uma carta de amor...

" As peças se espalham, se atrapalham aqui dentro, e de certa forma entram em uma estranha ordem logo em seguida, sozinhas, uma ordem que nem eu sei dizer se faz sentido. E ao mesmo tempo em que minha razão me coloca à distância da tua realidade, meu coração me aproxima dos teus pensamentos, me mistura com a tua alma, e me atrapalho denovo entre as tuas peças! A Ordem se desfaz novamente...
Só sei que aos poucos tudo se faz melhor e parece ter mais cor, e eu até acho que você me ama... e até acredito que você me dirá isso, quando não houver mais jogos de palavras, quando não houver mais medo, orgulho, nada mais além de nós, a sós, a dois. As explicações então sairão espontâneamente de dentro da alma, senão por palavras, pelos olhos, pelo sorriso, pelo toque dos dedos, pelo contato dos corpos.
Anjos teimam em me manter com pés fincados no chão e olhos abertos para o horizonte, nunca atrás, mas meus pensamentos e devaneios fogem loucos às escondidas, feito adolescentes rebeldes, soltos no ar em busca de uma razão para tudo isso... não existe! ou existe... E assim como é certo que não se pode explicar este sentimento sem sentido, sem forma, sem rosto, na mesma proporção de realidade posso tocá-lo como a um objeto perfeitamente visível e paupável, tão real, tão firme, tão verdadeiros em minhas mãos!
Tuas dúvidas me confundem, me fazem insana, procurando por respostas do que eu mesma não entendo, não sei como, não sei onde. Me fazem perder horas em busca do significado dos jogos que a tua mente cruel monta, me tiram o sono tentando decifrar os teus mistérios, os teus pensamentos cifrados, me desconcentram do que era meu foco, me fazem sair do meu eixo, e quando eu acho enfim que há uma resposta para tudo isso, me tiram o chão denovo e mudam as perguntas... e me perco novamente, como em um labirinto de paredes móveis que age contra mim! E as peças que já pareciam encontrar sua estranha própria ordem, voltam a se misturar, para que eu recomece o desafio de me encontrar em você...
Já tuas certezas me causam dor... é uma dor infinita e sem pontas, até que encontra e se funde às minhas certezas, quase como se fossem partes de um todo... então a dor já não é dor, ao contrário, é atração, um imã do qual não consigo me livrar! Um vício que me mantêm ligada a você 24h por dia, me conecta ao seu interior mais profundo, onde nem você consegue chegar... onde moram as TUAS dúvidas e as NOSSAS certezas.
Por que? Talvez porque só eu saiba quais os caminhos do teu coração, porque ainda que estejamos separados em espaço, nos conhecemos um ao outro como a palma das mãos, e sabemos qual a próxima pista do enigma, e como agitar o sossego do outro... porque que ele me pertence há muito mais tempo do que contam nossos anos somados, porque sinto o que você sente, penso o que você pensa, e sonho exatamente o que você sonha... porque espero o que você espera, e na sua ansiedade pela vida me coloco, nem mais, nem menos!
Não me pergunte se todo este turbilhão de emoções me faz bem ou mal, não me questione sobre o verdadeiro nome deste sentimento, ou onde pretendo chegar ao te escrever isso tudo. Não saberia te dizer, ou talvez não te diria... Mas, se você quiser arriscar... se você concluir que as minhas verdades são tuas também, então, eu jogo as armas, esqueço meus medos, e te traço uma resposta em algumas linhas, que finalmente explique nós dois!"

(Autor Desconhecido)

******************************************
Ci>> (Não consigo nem comentar!) - acho que andaram lendo e traduzindo meus pensamentos, ou mexeram nos meus alfarrábios... só sei concordo... e que viver assim é muito difícil mesmo... mas enfim...


sexta-feira, 27 de março de 2009

Sempre Vinícius...


De manhã escureço
De dia tardo
De tarde anoiteço
De noite ardo.


A oeste a morte
Contra quem vivo
Do sul cativo
O este é meu norte


Outros que contem
Passo por passo:
Eu morro ontem


Nasço amanhã
Ando onde há espaço:
- Meu tempo é quando.

(Vinicius de Moraes)

"Eu não quero saber como você se parece…


E como poderemos nos conhecer.


Eu conheço aquela parte dentro de você sem nome


E isto é o que nós “somos”, certo ?!"



(José Saramago - Ensaio Sobre a Cegueira)

ATITUDES que ajudam a elevar o astral!!! LES ENDORFINES I LA FELICITAT...

Atividade física provoca liberação de betaendorfina, neurotransmissor que participa da regulação do humor e causa bem-estarIoga e sessões de massagem estimulam a circulação sangüínea, aumentam o fluxo de oxigênio e promovem sensação de bem-estar.

A música relaxante faz com que a pessoa produza substâncias que colaboram na neutralização dos efeitos danosos do cortisol, hormônio que predomina em momentos de tensão e mau humor.

Os carboidratos estimulam a produção de serotonina, neutransmissor envolvido no controle das emoções. Como são, em geral, calóricos, o ideal é consumi-los com moderação.

Fique longe de pessoas muito mal-humoradas. Pesquisas indicam que o mau humor é contagioso. Se a pessoa for próxima, recomende auxílio médico.

Se a pessoa querida está mal-humorada, elogios sinceros, beijos e abraços vão fazer bem...


(by Leonardo - Amigos do Freud)
********************************

Ci>> eh como eu digo sempre... liberar endorfina até quando a adrenalina está a mil!!! sorrir sempre, mesmo que esteja doendo por dentro... fazer piada ainda que a situação não tenha graça nenhuma (mas não de mal gosto, por favor... um pouco de simancol não faz mal prá ninguém...), uma palhaçadinha de vez em quando num ambiente hostil que pode quebrar o gelo entre as pessoas... música no ambiente para fazer com que as pessoas ao menos comentem sobre ela entre si (mesmo que para criticar) e ajudar na aproximação das mesmas... e principalmente SORRISO, CARINHO, SEXO e CHOCOLATE sempre que possível para aumentar o nível de endorfina no corpo... receitas certeiras para enfrentarmos essa vida louca e cheia de provações!!!



Minha professora de Ética nos Negócios disse em uma aula que um beijo de boa noite evita pesadelos, que um beijo no dodói faz com que sare mais rápido (O JP disse que é verdade...hehe), e que um abraço imediato mata instantaneamente o medo! Tudo isso por que a manifestação de carinho faz com que liberemos endorfina pelo corpo, oxigenando o cérebro e nos acalmando de forma absoluta e permanente...
Lição de casa: NESTE FINAL DE SEMANA, FAÇA SÓ O QUE VOCÊ GOSTA DE FAZER ... ESTEJA COM PESSOAS QUE TE LEVANTAM O ASTRAL, LEIA O QUE TE DER NA TELHA, E NÃO BRIGUE COM A SUA VONTADE! SE PUDER, FAÇA ALGUMA ATIVIDADE FÍSICA (DANCE!), E DEMONSTRE CARINHO PARA COM AS PESSOAS QUE VOCÊ AMA! BEIJE E ABRACE MUITOOOOOO, MANDE UMA MENSAGEM DE BOM DIA OU BOA NOITE, OU EU TE QUERO, OU EU TE AMO... FAÇA SEXO, E COMA CHOCOLATE (NÃO PRECISA SER NESSA ORDEM, NEM UM POR VEZ... CRIE!), ENFIM... PROPORCIONE O BEM ESTAR ALHEIO!!! VC VAI SE SENTIR MUITO BEM TAMBÉM...
Bjs da Ci, um "p!@#" final de semana, amigos!

A importancia da Alegria

"Quando vence uma batalha, o guerreiro comemora. Esta vitória custou momentos difíceis, noites de dúvidas, intermináveis dias de espera. Desde os tempos antigos, celebrar um triunfo faz parte do próprio ritual da vida.A comemoração é um rito de passagem.
Os companheiros olham a alegria do guerreiro da luz, e pensam: “por que faz isto? Pode decepcionar-se em seu próximo combate. Pode atrair a fúria do inimigo”. Mas o guerreiro sabe o motivo de seu gesto. Ele se beneficia do melhor presente que a vitória é capaz de trazer: confiança.
Celebra hoje sua vitória de ontem, para ter mais forças na batalha de amanhã."
Paulo Coelho
(by Leonardo - Amigos do Freud)
"Pero ahí vienen bajando de la montaña con la esperanza, Las madres que den por sus hijosy que sus libros para la escuela son su soñar ; Pero ahí vienen bajando de la montaña con la esperanza,
hombres y niños mal heridos, buscando asilo buscando un sitio, para soñar y amar" (Juanes)
**********************************************
Ci>> Tá demorando sim, mas não quer dizer que a alegria não vá chegar. É uma questão de tempo, e do tempo... o tempo certo de colher o que plantamos, o tempo certo de chegarmos onde queremos, de partirmos para onde esperamos chegar!!! Será logo, será breve! Acreditemos na luz e no amor de Deus todos os dias! Não há nada tão difícil, que não possa ser superado, por que só nada a favor da correnteza peixe que tá morto! e que venham as dificuldades!!! Um excelente dia a todos!

quinta-feira, 26 de março de 2009


Vai passar, tu sabes que vai passar. Talvez não amanhã, mas dentro de uma semana, um mês ou dois, quem sabe? O verão está aí, haverá sol quase todos os dias, e sempre resta essa coisa chamada ‘impulso vital’.
Pois esse impulso ás vezes cruel, porque não permite que nenhuma dor insista por muito tempo, te empurrará quem sabe para o sol, para o mar, para uma nova estrada qualquer e, de repente, no meio de uma frase ou de um movimento te surpreenderás pensando algo assim como ‘estou contente outra vez’.

(Caio Fernando Abreu)

******************************************

Ci>> PERFEITO!!!! Como eu disse ontém ao Paulinho, um dia por vez, um tijolinho e um pouquinho de cimento por dia... e construímos um alicerce e uma edificação sólida, capaz de resistir a TUDO... mas a quantidade de cimento é exatamente proporcional à da paciência diária... portanto... 1 dia por vez! e só por hoje, ok?!?!?! ;P

Dos meus Pecados


Veja a flor que nasce linda lá no coração da várzea
Que ainda guarda um cheiro teu
Há fantasmas há molduras habitadas de silêncio
Presságios que ainda são só meus
Que vez por outra, se ausentam das paredes deste rancho envelhecido
E só Deus, poderá me dar, toda paz que necessito, pois na estrada dos aflitos
São meus, os pecados, cometidos, em nome do amor

Entrego a ti vida cigana
Num fim de semana vou partir
Fecho o rancho ato a cancela
Vou buscar por ela onde tiver que ir [... Minha Felicidade ...]
E se acaso o meu corpo envelhecido
Ainda andar nos corredores
Eu vou seguir buscando em ti
O amor que necessito
O sorriso mais bonito que eu já vi…

(Jairo Lambari Fernandes)


********************************

Ci>> Se as coisas são inatingíveis… ora! Não é motivo para não querê-las… Que tristes os caminhos se não fora a mágica presença das estrelas! (Mario Quintana) - Não há absolutamente nada impossível, nada que não possamos atingir, que não possamos conseguir (embora eu ainda não tenha conseguido encontrar o Jon, mas ainda tenho tempo...rs). Mas sem vontade de fazer difícilmente chegaremos próximos das "estrelas"... o primeiro passo, a primeira intenção quem dá somos nós... a dama (vida) só marcará o passo se o cavalheiro (nós) a conduzirmos satisfatóriamente... e nesta pista louca (nossa experiência aqui nesta Terra) quem manda é o cavalheiro...rs! tem que partir da vontade própria, e não só do pensamento... como diz o ditado, não confunda ação com movimento... se neste momento você ainda não pode dar o primeiro passo, ainda não pode agir, não deixe de vigiar seus pensamentos para que este momento não caia no esquecimento... lembre dele a todo instante... e a oportunidade vai surgir! pode esperar... bjuxxx!!!

O Grande Livro dos Pensamentos Matrimoniais


[Ci>> Não quero desencorajar ninguém, pelo contrário...rs... (mas quem avisa amigo é!!! rs)]

1- O primeiro ano é difícil, os restantes são impossíveis.
2 - Não te cases por dinheiro, podes conseguir um empréstimo mais barato.
3 - Quando um casal de recém casados sorri, todo mundo sabe por quê. Quando um casal há dez anos casado sorri, todo mundo pergunta por quê. 4 - O amor é cego, mas o matrimônio devolve a visão.
5- Quando um homem abre a porta do carro à sua esposa, podes estar certo de uma coisa: ou o carro é novo, ou a esposa é nova.
6 - Casar pela segunda vez é o triunfo da esperança sobre a experiência.
7 - Na Antigüidade, os sacrifícios se faziam no altar. Atualmente esse costume perdura.
8 - Estou apaixonado pela mesma mulher faz 40 anos. Se a minha esposa souber ela me mata!
9- Os solteiros deveriam pagar mais impostos; não é justo que alguns homens sejam mais felizes que outros.

... E pra encerrar, uma piadinha nada machista...

No final da noite dois homens casados, já devidamente embriagados, conversam num bar:
— Agora é só ir pra casa e começar a brincar de exorcista com minha mulher!
— Exorcista? Como é que é brincar de exorcista?
— Muito simples! Ela se faz de padre, me passa um sermão e eu vomito!


***************************************
Ci>> nada mais a comentar!!! rs

terça-feira, 24 de março de 2009

O MUNDO!!!



"Quando realmente nos comprometemos, a providencia divina se põe em movimento!!!" (Como diria Baby Lores: estoy cansado de repetirtelo! jaja..)



O MUNDO

Corresponde a letra Hebraica: TAU ou THAU
Esta carta engloba todos os Arcanos anteriores.
É a Matéria, propriamente dita, que é dominada pelo Espírito (representado pelo círculo) que mostra o equilíbrio entre o ativo e o passivo. É a carta mais forte do Tarot.
Representa a Síntese, o Mundo, o Domínio. Geralmente mostra o estado atual do problema ou questão e, portanto, depende inteiramente das cartas que a acompanham numa jogada. Denota ainda a presença Divina e é É considerada a melhor carta do Tarot. Representa a Integridade e a Recompensa.

Significado da carta: Conclusão, recompensa, sorte, sucesso, finalização das obras. Encontro do amor, lucidez, liberdade, felicidade.

No geral pode significar: O fim de um caminho de aprendizado e vitória se você a merecer. Triunfo nos empreendimentos. Recompensa pelos esforços. Amadurecimento do fruto. Poderá alcançar objetivo e alcançar algo muito importante. Ex: objetivo de vida e/ou o nosso lugar no mundo. Tempos felizes, em que desfrutará a vida com alegria e vitalidade.

Profissionalmente pode indicar: Tente colocar todas as coisas nos seus devidos lugares e extrair delas todo o seu potencial. Poderá haver sucesso na obtenção de um objetivo e a certeza da concretização futura de um projeto recentemente iniciado. Haverá harmonia entre a profissão e os objetivos da sua vida. Contatos internacionais ou viagens.

No amor pode significar: Felicidade na relação ou o encontro de uma pessoa importante que será a pessoa de toda nossa vida. Uma relação que dará frutos.

Mensagem: Plante mais hoje para colher amanhã também e aproveite intensamente o momento atual. Tente colocar todas as coisas nos seus devidos lugares e extrair delas todo o seu potencial.

*****************************************************

Ci>> Bom, HOJE, dia do meu recomeço, aí está o que os astros me reservam!!! (compartilhando com meus verdadeiros amigos, que me leem todos os dias!!!). GRANDE BEIJO A TODOS, Obrigada para os que torcem por mim, e MOOOOOOORRAMMMMMMMM DE CATAPORA os que me invejam...

Somos prisioneiros de nossas emoções?


Ah, se fossemos feitos só de razão seria tudo tão mais fácil, simplesmente decidiríamos por quem nos apaixonar, ou decidiríamos quem gostaríamos de esquecer e afastar de nossas vidas.
Reduziríamos a enorme tensão que sentimos todos os dias ao nos desgastarmos com coisas tão pequenas e saberíamos lidar com mais tranquilidade com os grandes desafios. Mas não somos só razão.
Muitas vezes, a despeito do que nos diz a razão, nos percebemos aprisionados a quem não nos merece, sofrendo por motivos que até nós achamos pequenos e tendo atitudes que não fazem sentido algum. Muitas vezes sentimos coisas que não gostaríamos de sentir, momentos nos quais nos perguntamos em silêncio se um dia seremos capazes de sentir as coisas de outra forma, sentir mais carinho, mais leveza, mais compaixão. Um dia você olha no espelho e descobre que vem desperdiçando tempo e energia com questões pequenas, com pessoas que não merecem sua atenção, com medos que consomem sua alegria e podam sua espontaneidade.
Será possível nos libertarmos dessas emoções que nos fazem sabotar o que de mais lindo existe em nós? Que faz com que tenhamos atitudes de traição para com nosso próprio Eu? Poderemos um dia controlar essa avalanche de emoções que perturbam nossa paz?

Claro que é possível!
Leva tempo, requer autoobservação, paciência, trabalho árduo e perseverança. Requer um profundo desejo de nos tornarmos alguém melhor. Requer a mesma cuidadosa dedicação que um ourives demonstra ao lapidar um diamante. Mas vale a pena, acredite. Depois de tanta fricção, aquilo que é precioso em nós vai surgindo. Um brilho aqui, outro lá... E um dia, se não desistirmos, conseguimos finalmente olhar para o mais lindo diamante pousado no centro de nossas mãos. Nosso próprio Eu.
Ouça, você não é essa emoção que chega de repente querendo tomar as rédeas da sua vida. Você não é essa onda de raiva que te faz querer destruir tudo, não é o ciúme que fragiliza suas relações, não é o medo paralisante que torna você menor do que o seu real tamanho. Isso tudo pode vir a você, mas você não “é” isso.
Não é sábio entregar-se cegamente a uma emoção. Você pode mudar em profundidade a sua vida. Você pode mudar a si mesmo. Mas para que isso aconteça, precisará lembrar-se de seu verdadeiro Eu. Precisará aprender a suspeitar de suas emoções. Não é sábio entregar-se cegamente a uma emoção. Muitas vezes elas tornam você cego e surdo, elas iludem você e fazem com que tenha atitudes das quais se arrepende depois. Aprenda a observar as emoções em você, sem misturar-se com elas.
Saia do Eu, olhe para você e seus sentimentos na 3ª pessoa. Olhe para as ondas emocionais como você olha para o clima. Surgem nuvens, você as observa. Chove, você observa. Faz sol, você observa. Observa e compreende que tudo passa.
Aprenda a observar em quietude até que aquela a emocional passe, atravesse você. E depois, centrado, em paz, aprenda com essa passagem.Você não é a raiva, não é o ciúme, não é a paixão. Você é o observador pacífico que vê tudo isso passar.
Não entregue-se ao que sente. Una razão e emoção. Aprenda a questionar a si mesmo. Eu sei, parece difícil, mas é uma questão de prática. Nós não fomos ensinados a nos ver como sábios. Não fomos ensinados a observar nosso próprio Eu. Nem mesmo conhecemos nosso próprio Eu.
Desconfie das suas emoções, elas são superficiais, como uma fina camada de água gélida na superfície de um mar de calor e compaixão.
Mergulhe para além das aparências e você encontrará a sua verdade e a sua paz.
Patricia Gebrim
(by Leonardo Do blog "Amigos do Freud")

***************************************************
Ci>> "Puff!!" e do nada o que era angústia virou paz, o que era desespero virou tranquilidade, o que era ansiedade virou calmaria.... o que eu pensava que era, não era bem assim, e como isso me fez bem! Me enganei sim, mas no fundo não foi ruim, pelo contrario... to livre, to bem, baterias recarregadas... ontém não postei um texto sobre alto-cura / alto-recuperação? pois bem, lição de casa feita, tarefa cumprida, e deu certo! A orientação veio na hora certa da virada... o caminho começa agora... e eu estou só nos primeiros passos, nos primeiros metros... e me sentindo definitivamente LIVRE! BYE, BYE ECLIPSE, QUE VENHA O SOL!!! (Obrigada Mestre, pelas inúmeras manifestações da existência do bem maior em minha vida! Que assim seja, amém!!!)
"Se não alcançar a liberdade interior, que outra liberdade espera alcançar?" - Arthur Graf


segunda-feira, 23 de março de 2009

BOM ÂNIMO


Hoje experimentas maior soma de aflições. Observaste a grande mote dos sofredores: mães desnutridas apertando contra o seio sem vitalidade filhos, misérrimos, desfalecidos, quase mortos; mutilados que exibiam as deformidades à indiferença dos passantes na via pública; aleijões que se ultrajavam a si mesmos ante o desprezo a que se entregavam nos "pontos" de mendicância em que se demoram; ébrios contumazes promovendo desordens lamentáveis; enfermos de vária classificação desfilando as misérias visíveis num festival de dor; jovens perturbados pela revolução dos novos conceitos e vigentes padrões éticos; órfãos...
Pareceu-te mais tristonha a paisagem humana, e consideras mentalmente os dramas íntimos que vergastam o homem, na atual conjuntura social, moral e evolutiva do Planeta.
Examinas as próprias dificuldades e um crepúsculo de sombras lentamente envolve o sol das tuas alegrias e esperanças. Não te desalentes, porém.
O corpo é oportunidade iluminada mesmo para aqueles que te parecem esquecidos e que supões descendo os degraus da infelicidade na direção do próprio aniquilamento.
Nascer e morrer são acidentes biológicos sob o comando de sábias leis que transcendem à compreensão comum.
Há, no entanto, acompanhando todos os caminhantes da forma carnal, amorosos Benfeitores interessados na libertação deles. Não os vendo, os teus olhos se enganam na apreciação; não os ouvindo, a tua acústica somente registra lamentos; não os sentindo, as parcas percepções de que dispões não anotam suas mãos quais asas de caridade a envolvê-los e sustentá-los.
Perdido em meandros, o rio silencioso e perseverante se destina ao mar.
Agitada e submissa nas mãos do oleiro, a argila alcança o vaso precioso.
Sofrido o Espírito nas malhas da lei redentora, atinge a paz.
Ante a sombra espessa da noite não esqueças o Sol fulgurante mais além. E aspirando o sutil aroma de preciosa flor não olvides a lama que lhe sustenta as raízes...
Viver no corpo é também resgatar.
O Espírito eterno, evoluindo nas etapas sucessivas da vestimenta carnal, se despe e se reveste dos tecidos orgânicos para aprender e sublimar.
Numa jornada prepara o sentimento, noutra aprimora a emoção, noutra mais aperfeiçoa a inteligência...
Nascer ou renascer simplesmente não basta.
O labor, interrompido, pois, prosseguirá agora ou depois.
Não cultives, portanto, o pessimismo, nem te abatam as dores.
Cada um se encontra no lugar certo, à hora própria e nas circunstâncias que lhe são melhores para a evolução. Não há ocorrência ocasional ou improvisada na Legislação Divina.
Quando retornou curado para agradecer a Jesus da morféia de que fora libertado, o samaritano que formava o grupo dos dez leprosos, conforme a narração evangélica, fez-nos precioso legado: o do reconhecimento.
Quando o centurião afirmou ao Senhor que uma simples ordem Sua faria curado o seu servo, ofertou-nos sublime herança: a fé sem limites.
Quando a hemorroíssa, vencendo todos os obstáculos, tocou o Rabi, deixou-nos precioso ensino: a coragem da confiança.
Identificado ao espírito do Cristo, não te deixes consumir pelo desespero ou pela melancolia, sob revolta injustificada ou indiferença cruel. Persevera, antes, no exame da verdade e insiste no ideal de libertação interior, ajudando e prosseguindo, além, porque se hoje a angústia e o sofrimento te maceram, em resgate que não pode transferir, amanhã rutilará no corpo ou depois dele o sol sublime da felicidade em maravilhoso amanhecer de perene paz. "Tem ânimo filhos: perdoados são os teus pecados." - Mateus: 9-2.
"Deus não dá prova superior às forças daquele que a pede; só permite as que podem ser cumpridas. Se tal não sucede, não é que falte possibilidade: falta a vontade". - Cap. XIV, Item 9.

(pelo Espírito Joanna de Ângelis - Do livro: Florações Evangélicas, Médium: Divaldo Pereira Franco)
************************************
Ci>> é como diz o ditado: "Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca acabe!". Ambos revezam suas permanencias em nossas vidas para nos mostrar os caminhos pelos quais devemos seguir e evoluir, e de qual forma devemos nos portar dentro deste processo de transformação. Ambos trazem tristezas e alegrias, para que possamos aprender o valor dos minutos de paz que temos após longo tempo de tempestades enfrentadas... cabe a cada um de nós buscar sua verdade, seu caminho, sua evolução... a cada um de nós foi proposto um caminho, e a cada um de nós foi dada a oportunidade de melhorarmos como seres de Deus... a vida é simples, quem complica somos nós.... não há mal que sempre dure! Tenha fé, acredite sem ver, sem tocar, acredite na força que vem de dentro de você! Tudo o que passamos hoje é condição para nos tornarmos melhores amanhã, e não cai uma folha de uma árvore, se assim Deus não quiser que aconteça. Tudo caminha para o melhor... eu acredito nisso... boa noite!

Um dia... (Mario Quintana)



Um dia descobrimos que beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem.
Você não só não esquece a outra como pensa muito mais nela…
Um dia descobrimos que se apaixonar é inevitável…
Um dia percebemos que as melhores provas de amor são as mais simples…
Um dia percebemos que o comum não nos atrai…
Um dia saberemos que ser classificado como o “bonzinho” não é bom…
Um dia perceberemos que a pessoa que não te liga é a que mais pensa em você…
Um dia saberemos a importância da frase: “Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”…
Um dia percebemos que somos muito importantes para alguém mas não damos valor a isso…
Um dia percebemos como aquele amigo faz falta, mas ai já é tarde demais…
Enfim…
Um dia descobrimos que apesar de viver quase 100 anos, esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para dizer tudo o que tem de ser dito…
O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas as nossas loucuras…
Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação.
*********************************************
Ci>>Ninguém sabe tudo, ninguém tem todas as respostas, ninguém conhece todos os cantos da alma de outrem... por isso não se deve julgar os sentimentos, os sonhos, os pensamentos, ou até as ações do outro... porque não somos capazes de compreender por quais respostas o outro também busca... Peça a Deus para que haja tempo para conhecer ao menos um pouco do outro que você tanto ama, e se Ele te conceder esta dádiva, saiba aproveitar o tempo que estão juntos, não desperdice os momentos com bobagens mundanas... não há dor maior do que a impossibilidade de compartilhar momentos simples com quem se ama!

O sentido do amor...
"Amor não é se envolver com a pessoa perfeita, aquela dos nossos sonhos.
Não existem príncipes nem princesas.
Encare a outra pessoa de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas sabendo também de seus defeitos.
O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que podemos ser."

Sonhe denovo!


"Quando os nossos sonhos se acabam,
Fica um vazio imenso...
Uma vontade de parar...
De desistir de tudo...
É um período difícil, em que os dias, as horas, e até os segundos são longos...
Não conseguimos progredir...
Falta vontade...
Falta motivação...
Nos fechamos para tudo e para todos como se nada importasse...
nada tivesse algum valor... vamos nos destruindo pouco a pouco...
Porque será que muitas coisas em que acreditamos chega ao fim?
Acreditamos na felicidade eterna e, muitas vezes, ela não passa de um pequeno tempo...
Tempo suficiente para deixar uma saudade infinita...
Até que um dia..
Um novo sonho começa a dar o ar da sua graça...
Vem chegando de mansinho...
Tentando abrir os cadeados do coração...
Estamos trancados, com um enorme medo de sofrer de novo,
Mas mesmo assim, o novo sonho vem chegando...
Trazendo na mala, tudo de novo...
E como todo novo sonho, é regado de novidades que fascinam,
mexendo com emoções adormecidas...
Trazendo de volta, a emoção de viver amar, recomeçar!!!
Nessa hora, quando tudo ressurge, podemos avaliar melhor a vida...
Temos que transformar cada pequeno instante, em grandes momentos...
Eliminar tudo que maltrata o nosso corpo, o nosso espírito, e dar lugar somente ao que nos
engrandece como verdadeiro ser humano filho de Deus!!!
E se os seus sonhos estiverem nas nuvens, não se preocupe... eles estão no lugar certo.
Construa os alicerces, e SUBA!!!
Nunca desista de ser feliz!!!"
(autor desconhecido - recebido da Alê)
******************************************************
Ci>> Todos nós temos o poder de nos alto-curar quando o nosso interior não está tão bem assim. Basta elevarmos os pensamentos a Deus, ou a algo / alguém / algum lugar que nos traga paz, e a energia ruim passa a ser dissipada e substituída por energia boa. Quando isso acontece, nada mais tem importância, pois estamos em contato com o que há de melhor no cosmos, e neste momento somente boas vibrações nos atingem. Vigie seus pensamentos, seu coração, e procure sempre perceber o momento em que você deve parar e entrar em contato com este cosmos a fim de se alto-recuperar das intempéries do espírito e da mente. Cada um é responsável por sua própria energia, e só vigiando os pensamentos e as vibrações, conseguimos recomeçar e sonhar denovo! Como disse o Chico, não podemos voltar atrás e começar denovo, mas podemos recomeçar agora e fazer um novo fim. Grande beijo, tenhamos todos uma excelente semana, cheia de Luz!
Ahh, e não deixe de agradecer todos os dias pelas orientações que receber através de códigos, sinais, sonhos, amigos, ou mesmo um gesto de um estranho, e que te faz entender qual o próximo passo a ser tomado. É a providência divina agindo para que você possa seguir em frente! Entenda os sinais!!!! Bjuxxxxx

Propósito


"Transforme-se em um observador desapegado, levando seus pensamentos para dentro de você. Por um momento, imagine-se um escritor escrevendo a história da sua vida. Você já pôs o ponto final em um capítulo e está prestes a dar início a outro. Escreva o título desse capítulo sem pensar muito; apenas permita que os pensamentos venham – sem censura, sem bloqueios. A partir daí, tudo flui. Tente! Acredite em seu instinto."

sexta-feira, 20 de março de 2009

"Lo que soy, he sido y no puedo ser"

Originalmente publicado por LaURis...

"Me disfrazo bajo mis sábanas muchas veces,
muerdo mis sentidos, labios, pensamientos
cuando es necesario, pero muchas veces… No puedo.
Provengo de la formación de bases sólidas de una vida
y me convierto en roca para forjar la mía propia,
intento no ser justicia ciega, tampoco bruta, ciega, sorda y muda; (y no lo soy…)
o al menos eso parece, pero, cuando la sociedad expulsa su incultura ser
el fosforo encendido en la lluvia tiene su precio.
No sólo te señala un dedo, también pies, bocas, lenguas
y todo lo que pueda punzarte la existencia.
No me he permitido a mi misma enmudecer verdades,
tampoco disfrazar objetividad por subjetividades,
venderme al más bajo precio y mucho menos contribuir al defraude,
mi cultura, educación, respeto a mi misma
han tolerado el aguantar la bofetada,
voltear mi rostro a un lado y al otropero jamás mirar hacia abajo,
ser cabizbaja y dejar que la honestidad salga de paseo.
No puedo ser el alfil en el ajedrez,
no puedo vender honestidad por amistad, no puedo dejar irrespetarme
y que se irrespete el pensamiento, tampoco puedo faltar el respeto,
cumplo mis normas y las de el techo que me puede cobijar, no me dejo puñalear
pero tampoco dar inicio a la puñalada.
Siempre he preferido aguantar una verdad aunque duela,
a mantener el dolor agonizante de la espina
que inconclusa has permitido clavar.
Así muera cortando mis venas: (con honestidad y respeto) mi boca no podrá callar.

Así soy, así vivo y así moriré!"



***********************
Ci>> faço destas TODAS, as minhas palavras, e considero minhas verdades!!!

Agora...


"Vou capitar as paixões da minha vida,
as alegrias sentidas,
o sorriso mais espontaneo...
Varrer a tristeza, as desilusões
ficar com o que sempre me emocionou.
O que sempre minha alma e meu ser alimentou.
Vou aceitar estes braços abertos pra abraços sinceros..
Este rosto sensual pra beijar sem limites.
Este sorriso caliente que parece dizer o que sente e, "estou aberto para ser feliz..."
Nunca mendigar amor, pois sou inteira e feliz.
Preciso de alguém igual a mim!
que queira na mesma intensidade,
não tenha medo da verdade,
do tempo que já vivemos,
da experiência que tivemos,
das ruguinhas que não escondemos,
de alguns cabelos que estão branquinhos,
mas que escondem um rostinho,
inocente, cheio de amor, carente,
que quer dizer para o ser amado e confiado,
confiante declarar todo o amor
que no seu coração está.
Pra que esconder?
Pra que disfarçar?
Pra que esperar?
Vem amor e abre seus braços!
Vem ao encalço deste amor que o espera
Vem sem demora porque nossa hora
é AGORA..."

Penhah Castro

******************************
Ci>> poesias e poemas de poetas famosos são lindos... mas poesias e poemas de poetas anonimos, que pararam 5 minutos do seu dia louco só para colocar no papel o que tá sentindo e oferecer a alguém, ahhhh, esses não têm preço! E Estes só quem sente e lê com o coração pode entender, e vai gostar... não é rimado, não tem regras, não faz jogo de palavras, não dissimula o real significado, não tem genialidade incomum... mas é profundo, traduz o coração, é simples e ao mesmo tempo complexo... a genialidade está justamente na simplicidade de expor o que o coração está sentindo... ADOREI Penhah, parabéns!

Um dia eu vou...


"Você alguma vez se pegou dizendo: “Um dia vou escrever um livro... ou viajar pelo mundo, compor uma sinfonia...”, ou qualquer outra coisa do gênero? Não foi só você que fez isso. Quase todos nós fantasiamos sobre algo que gostaríamos de fazer um dia. Uns gostariam apenas de ter mais tempo para dedicar à família ou aos amigos; outros de trabalhar em algo diferente, ou desenvolver um hobby, um talento. Seja como for que você complete a frase – “um dia eu vou...”- saiba que os sonhos e sentimentos a respeito do que gostaria de fazer são pistas importantes para a identificação do que realmente é mais importante para você... E se é importante, comece desde já...

Lembre-se, a cada manhã, quando o despertador toca, você tem uma nova oportunidade de fazer o que quer com as horas a sua frente. Diariamente você recebe uma lousa nova, sem nada escrito. Você pode ter 10, 20, 30, 50 anos de vida pela frente; e como você vai usar esse tempo?.. O que você vai fazer com o resto da sua vida? Vai continuar a se enganar, achando que algum dia terá tempo para fazer alguma das coisas que realmente são importantes para você? Na verdade, isso nunca acontecerá, a menos que você decida que esse tempo é hoje...

A verdadeira realização na vida acontece quando respondemos com honestidade às seguintes perguntas: - o que é mais importante para mim?, - o que eu gostaria verdadeiramente de realizar?, - que legado eu gostaria de deixar? O desafio é descobrir o que queremos, o que gostaríamos de fazer e, então, começar a trabalhar diariamente para realizar nossos desejos.

Não importa se temos, 20, 35, 50, 75 anos, ou mais. O que precisamos fazer é decidir quando vamos começar a trabalhar para conseguir o que queremos. "

(Texto de Hyrum W. Smith / O que mais importa)


Felicidade: Se você deseja se preencher de paz, amor e felicidade, aprenda a sentir o prazer no silêncio. Olhe para dentro de você mesmo e faça ressurgir suas qualidades originais. Este é o método que faz subir o “mercúrio” da felicidade. Quanto mais poderosas forem as suas atitudes, melhores serão suas decisões e, conseqüentemente, maior a felicidade. Lembre-se: quanto maior é o grau de virtudes, melhor será a qualidade dos relacionamentos. (por Brahma Kumaris)

***********************************************

Ci>> como diria a xuxa, "de hoje em diante só quero boas notícias"! só quero paz interior, vibrações positivas, energias que acrescentem luz à minha... BOM FINAL DE SEMANA A TODOS! BJUX!

quinta-feira, 19 de março de 2009

(In) Decências


"Olha pra mim de forma doce, mas olha com muito desejo também. Chega devagar, mas também chega firme, me jogando na parede.
Me beija de leve, mas me beija com força também. Toca com tua língua de leve nos meus lábios, como se tateasse terreno desconhecido. Prende tuas mãos em minha cintura e me cola em teu corpo. Com as pontas dos dedos, acompanha toda a silhueta de meu corpo, me deixa arrepiar.
Beija meu rosto, escorrega para a minha orelha, sussurra algumas indecências. Toca de leve, com a ponta da língua, no lóbulo da minha orelha, treina uma mordida.
Volta aos teus discursos ao pé do ouvido, não precisam de muito sentido, só fala do teu desejo, do calor que estás sentindo. Volta a me beijar, hora de leve, hora com força.
Com teu joelho, abre minhas pernas de leve, lentamente, encaixa tua coxa entre as minhas. Me provoca uma dor aguda, é muito bom. Faz calor, de dentro pra fora, como em um vulcão no gelo desse quarto.
Uma hora pára, me olha lá no fundo dos olhos. Não precisa divagar sobre o amor, ou muito menos paixão, só me olha bem dentro dos olhos, e me diz quem realmente sou pra você, fala pelo olhar.
Sem o uso de palavras. Me deixa medir teu desejo pelos teus olhos e pelo teu toque, não precisa dizer o quanto, eu vou perceber. Olha pra mim, como se apreciasse uma paisagem natural que nunca vistes. Selva virgem, nua, nunca explorada. Rio caudaloso, doce e perigoso. Toma gosto, mergulha em mim.
Volta aos beijos, agora mais leves, como se bebesse um vinho caro. Escorrega tua mão por todo o meu corpo, como quem conhece uma cidade na palma da mão. Me diz que sou só tua. E que tu és todo meu.
Num calor infortúnio, solta os laços, botões e zíperes. Seja rápido, me desprende das roupas. Te soltas também. Ou solta botão por botão, como quem quer me assistir fritar. Corpos nus, palpitando juntos, suando juntos. Espasmos de prazer, de loucura. Bocas, saliva, fluidos corpóreos, no escuro...
Mais toque, agora depressa... Temos sede de prazer. O prazer vem em ondas sinuosas. Hora picos e gemidos. Hora vales e sussurros. Prendes-me entre a realidade e teu peito. Enquanto o ar se vai, docemente. Respiração difícil, ondas de dor, misturadas com prazer. Nem sei mais dizer o que sinto. Mas é bom, muito bom. Dentro de mim, estás dentro de mim. Dois que se tornaram um.
De um lado pro outro, de cima a baixo. Peço que vás mais profundo, como se ansiasse mergulhar sem oxigênio pra dentro do oceano. Não quero saber voltar. Só quero ir, sem volta. Mais bocas, saliva. Peço mais um pouco, mesmo cansados.
Como quem raspa a panela de brigadeiro, exijo tudo, até o final, consumo você por completo. Até a última gota de teus líquidos. Suspiro. Como em um arrepio, voltamos a ser dois. Exaustos. Te beijo lentamente, te pondo pra dormir. Mexes no meu cabelo, diz-me que não mais imaginas tua vida sem mim.
Me sorri um sorriso de promessa. Promete muito mais, e mais vezes, mais dias. Me promete que isso não vai mais acabar. Jura que é eterno. Eterno ao menos até amanhecer o dia, e sorrindo tomarmos um banho frio coladinhos, imaginando a desculpa que iremos dar pela escapada do dia anterior.
Adormece o sono profundo dos deuses."

Autoria: Drêycka
Blog: http://www.dreycka.blogspot.com/
*************************************
Ci>> São poucos os que conseguem descrever um momento como este com tanta paixão e serenidade, rebeldia e poesia contadas a partir de um único momento, ao mesmo tempo... Menos ainda são aqueles que conseguem dividir um momento como este com tal intensidade, e só com palavras, sem toque, e que fazem com que o outro consiga fechar os olhos e sentir exatamente as sensações ditas, descritas por boca e mãos trêmulas, já quase sem forças de continuar... só por palavras, só por gestos, sonhos, pensamentos...te faz viajar, sem sair do lugar, te faz sorrir sozinha... e brinda ao final, aos bons momentos que dividiram... Salud!



quarta-feira, 18 de março de 2009

Ele está a fim de você?


O livro foi recomendado por uma amiga e leitora (e o melhor de tudo é que deu pra ler no computador hmmmm, de graça!); fiquei tentada a iniciar minha leitura, uma vez que não costumo ler esse tipo de livro. No meu imaginário, tratava-se daquele tipo de “porcaria pra vender”, cheia de conselhos batidos e coisas óbvias…
Ele aborda basicamente situações nas quais o cara não está afim de você e não verbaliza isso. Acontece que, por atos, o moçoilo fala. Simultaneamente, nós tentamos arrumar justificativas para tais atitudes. Ou seja: sujeito faz cagada e nem precisa se justificar. Claro, uma mulher esperançosa arruma todas as justificativas por ele!
Liz Tuccillo e Greg Behrnedeth, roteiristas do Sex and the City, trazem a tona diversas situações nas quais o homem sinaliza, das formas mais diversas, que NÃO ESTÁ AFIM DE VOCÊ; dentre elas estão: o homem que consegue o que quer e some, o homem indisponível para relacionamentos, o casado que está tendo um caso com você mas não se separa, o noivo há trezentos anos que se diz não preparado para casar, o desempregado sustentado por você há trocentos anos, o ex namorado que só te procura pra dar umas chineladas e depois sai que nem um tiro, esquisitos, anômalos, pervertidos, workaholics, desmemoriados, pé rapados, ricos demais, divorciados, bêbados, drogaditos, adeptos à relação aberta… enfim, uma infinidade de figurinhas complicadas que nos deixam cheias de caraminholas na cabeça.
O legal é que o livro traz sim coisas óbvias, mas coisas que nos negamos a enxergar! Nos apegamos a detalhes, buscamos sinais de que o cara gosta de nós, sinais malucos e por vezes, muito contraditórios. Buscamos sinais no impossível, e aí, minha cara, você vira uma louca neurótica que corre demais atrás, investiga, tenta cruzar mapas astrais e se perde no meio disso tudo. Sim, esquece que o tempo que você perde tentando desvendar o sumiço do rapaz ou esperando ele tomar a decisão de te ligar poderia ser revertido para benefício próprio, como um passeio legal, investimento em outros bofes ou até no duro exercício de ficar sozinha.
Greg escreve de uma forma radical, afirmando sempre que se o cara estiver afim, não há guerra nuclear que impeça vocês de ficarem juntos! E se ele não faz, é um bocó que não te merece. Segundo suas teorias, eles correm atrás quando há interesse (batata!); quando não há, falam de outras formas, pois tem medo das nossas reações. Você deve se abrir para os próximos mais bem-resolvidos. Já Lizz justifica nosso lado, sabe o quanto é ruim ficar só e que, por conta disso, nos enfiamos em diversas furadas. Acredita que um cara pode mudar, que pode simplesmente estar ocupado ao invés de “simplesmente não estar afim de você”, que não se dispensa um cara por qualquer coisa.
De uma forma bem-humorada, o livro nos faz lembrar justamente alguns aspectos dos relacionamentos que preferimos esquecer e fingir que não existem.
Particularmente, acho o ponto de vista defendido por Greg muito interessante e útil (aham, deveria ser interiorizado por muitas de nós), masssssss… pega pesado. Vamos aliviar um pouco pro lado dos bofes: nem sempre dá pra ligar e nem sempre as pessoas tem saco pra nehmnhemnhem, tanto nós quanto eles! Então, levo em consideração esse aspecto. Não, eu não concordo com as justificativas da Lizz, porque são aquelas que damos pra nós mesmas e que nos impedem de sair de péssimos círculos viciosos.
Recomendo o livro. Surpreendeu, não serve pra calço de fogão manco como eu presumia. Deve andar na nossa bolsa, ah deve.
Seguem alguns trechos:
“E, por ser homem, eu sei como um homem pensa, sente e age, e é minha responsabilidade contar quem nós realmente somos. Estou cansado de ver mulheres maravilhosas metidas em relacionamentos idiotas.”
“Preferimos perder um braço pendurado na janela de um ônibus do que simplesmente dizer "Você não é A mulher para mim". Temos certeza de que vocês vão nos matar, ou se matar, ou as duas coisas — ou, pior ainda, chorar e berrar conosco.”
“O que acontece é o seguinte: a maioria dos homens diz o que acha que você quer ouvir no fim do programa ou da conversa ao telefone, em vez de ficar calado.”
“"Ocupado" è sinônimo de "babaca". "Babaca" é sinônimo do cara com quem você está saindo.”
“Você merece uma porra de um telefonema.”
“Tudo devia ser natural, fácil e óbvio. Por isso acho que, se tiver de começar a pensar, planejar e inventar todo tipo de subterfúgio para descobrir em que tipo de situação eu me meti, a coisa não deve estar nada boa. Que merda.”
“Quem quer ser aquela garota maluca que precisa saber exatamente o que está acontecendo no minuto que conhece um cara? Você prefere ser a garota tranqüila, aquela que sabe com quem sair, se divertir e não ser muito exigente. Eu sempre quis ser assim. E sempre fui. O problema dessa garota tranqüila é que ela também fica magoada. Ela também reage ao tipo de tratamento que recebe. Ela também espera que o cara ligue, fica imaginando quando o verá de novo e se ele gosta dela. Odeio isso.”
“100% dos caras entrevistados disseram que "o medo do intimidade" jamais os impediu de entrar num relacionamento. Um dos caras até observou que "medo de intimidade é uma lenda urbana". Um outro até explicou: "nós dizemos isso para as garotas quando não estamos muito a fim delas."
“Se há alguma coisa errada no relacionamento, eis uma idéia inteligente e madura: conversem sobre isso. Não deixem nenhum homem culpar vocês pela infidelidade deles. Nunca.”
“Na minha opinião bem convencional, acho que estar só com um pé dentro do relacionamento é a mesma coisa que estar com um pé fora.”
“Não gaste seu tempo nem entregue seu coração para qualquer cara que faça você ter dúvidas sobre qualquer coisa relacionada ao que ele sente por você.”
“Essa é a pergunta difícil. E as mulheres são inteligentes. Se elas ficassem quietas e parassem de dar atenção às desculpas, ou de acreditarem no que querem que seja verdade e no que esperam que ele esteja realmente dizendo, e se concentrassem pra valer, acho que sempre saberiam a resposta. Saberiam sempre qual é a diferença entre o homem que tem problemas reais com o casamento, mas está profundamente comprometido com o relacionamento e com elas, e um cara que está simplesmente sendo um babaca.”
“Mas, se você acha que ele está sempre escondendo alguma coisa, ou que você gasta energia demais tentando se modificar para ser alguém que você pensa que vai fazê-lo mais feliz, então separe-se dele e vá à luta. Não deixe que ele a faça sentir-se burra por querer se sentir amada.”
“O que poderia ser melhor do que ouvir do homem que acabou de dizer que não quer mais você a triste e suplicante declaração "Estou com muita saudade", ao telefone? É gostoso. É excitante. Irresistível. Mas, você precisa resistir. Se ele não está telefonando para dizer que alugou um reboque para pegar todas as suas coisas e levar de volta para a casa dele, então considere-se apenas um simpático travesseiro macio que serve para amortecer a sensação de solidão e perda que ele ainda não está completamente preparado para enfrentar sozinho.”
“Porque infelizmente é isso que o seu namorado faz durante os recessos do namoro: ele fica farejando por aí à procura de algo melhor, e, quando não encontra, se sente solitário e volta para "casa". E não é porque esteja muito a fim de você. O lance é que não está muito a fim de ficar sozinho.”
“Você não pode reverter uma separação com conversa. Essa situação não está aberta a discussão. O fim do namoro é um ato definitivo, não democrático.”
“Lamento que seja tão difícil encontrar um cara decente hoje em dia, a ponto de vocês deixarem qualquer macho que tenha a capacidade de discar um telefone e dirigir um carro sair impune de tudo.”
“Sentir solidão, ficar sozinho é terrível para muita gente. Eu entendo, eu entendo, eu entendo. Mas, tenho de continuar dizendo que, sim, eu realmente acredito que estar com uma pessoa ao lado de quem você se sente uma merda, ou alguém que não respeita quem você é, é pior ainda.”
“Mas eu realmente acredito que o único modo de descobrir que há coisa melhor por aí é primeiro acreditar que há algo melhor por aí.”
“Relacionamentos de merda fazem com que vocês se sintam uma merda, e não foi para isso que foram postas neste mundo.”
“Mas, o que aconteceria se todas as mulheres do mundo dessem ouvidos a Greg — se nós todas começássemos a insistir para os homens cumprirem suas promessas, tratar todas nós com respeito, nos cobrir de amor e carinho? Acho que haveria muito mais homens bem comportados no mundo. É só isso que vou dizer.”
Ele simplesmente não está afim de você - Liz Tuccillo e Greg Behrnedeth
******************************
Ci>> Duda, devolve meu livrinho que vou voltar a ficar com ele na bolsa! rs
eu li esse livro, adorei, porque Ñ é livro de alto-ajuda mesmo... é um livro bem humorado, sarcastico que faz a gente entender que simplesmente não tem reciprocidade... pronto... é, eu sei, vcs estão se perguntando: "como a Ci coloca textos romanticos num dia, e coloca esses prá quebrar tudo no dia seguinte?" RESPOSTA: Sou romantica, mas não sou idiota.. e agora eu conheço PAVLOV... rs.
Beijos, e vamos assistir o filme, estréia depois de amanhã.. Carol, tá convocada!

Homens com barriguinha


"Meninas de todo o Brasil, tenho um conselho valioso para dar aqui: Se você acabou de conhecer um rapaz, ficou com ele algumas vezes e já está começando a imaginar o dia do seu casamento e o nome dos seus filhos, pare agora e me escute! Na próxima vez que encontrá-lo, tente (disfarçadamente) descobrir como é sua barriga. Se for musculosa, torneada, estilo 'tanquinho', fuja! Comece a correr agora e só pare quando estiver a uma distância segura. É fria, vai por mim.
Homem bom de verdade precisa, obrigatoriamente, ostentar uma barriguinha de chopp. Se não, não presta.
Veja bem, não estou falando daqueles gordos suados, que sentam horas na frente da televisão com um balde de frango frito, e que, quando se abaixam, mostram aquele cofrão. Não!
Estou me referindo àqueles que, por não colocarem a beleza física acima de tudo, acabaram cultivando uma pancinha adorável. Esses, sim, são pra manter por perto.
E eu digo por quê. Você nunca verá um homem barrigudinho tirando a camisa dentro de uma boate e dançando como um idiota, em cima do balcão. Se fizer isso, é pra fazer graça pra turma - e provavelmente será engraçado, mesmo. Já os 'tanquinhos' farão isso esperando que todas as mulheres do recinto caiam de amores - e eu tenho dó das que caem.
Quando sentam em um boteco, numa tarde de calor, adivinha o que os pançudos pedem pra beber? Cerveja! Ou Coca-cola, tudo bem também. Mas você nunca os verá pedindo suco ou coca-light. Ou, pior ainda, um copo com gelo, pra beber a mistura patética de vodka com 'clight' que trouxe de casa. E você não será informada sobre quantas calorias tem no seu copo de cerveja, porque eles não sabem e nem se importam com essa informação.
E no quesito comida, os homens com barriguinha também não deixam a desejar. Você nunca irá ouvir um 'ah, amor, 'Quarteirão' é gostoso, mas você podia provar uma 'McSalad' com água de coco'. Nunca! Esses homens entendem que, se eles não estão em forma perfeita o tempo todo, você também não precisa estar. Mais uma vez, repito: não é pra chegar ao exagero total e mamar leite condensado na lata todo dia! Mas uma gordurinha aqui e ali não matará seu relacionamento.
Se ele souber cozinhar, então, bingo! Encontrou a sorte grande, amiga. Ele vai fazer pra você todas as delícias que sabe, e nunca torcerá o nariz quando você repetir o prato. Pelo contrário, ficará feliz.
Outra coisa fundamental: homens barrigudinhos são confortáveis! Experimente pegar a tábua de passar roupas e deitar em cima dela. Pois essa é a sensação de se deitar no peito de um musculoso besta. Terrível!
Gostoso mesmo é se encaixar no ombro de um fofinho, isso que é conforto. E na hora de dormir de conchinha, então? Parece que a barriga se encaixa perfeitamente na nossa lombar, e fica sensacional.Homens com barriga não são metidos, nem prepotentes, nem donos do mundo. Eles sabem conquistar as mulheres por maneiras que excedem a barreira do físico. E eles aprenderam a conversar, a ser bem humorados, a usar o olhar e o sorriso pra conquistar.
É por isso que eu digo que homens com barriguinha sabem fazer uma mulher feliz!
(Carla Moura - blog "Amigos do Freud")

************************************

Ci (hoje em homenagem ao meu amigo Luiz, to de Hitch - repassando o conceito!)>> se eu não publicasse esse texto iria me chibatear em casa... queimar no mármore do inferno, de tanto arrependimento... PALAVRA CHAVE NESTE TEXTO (PARA OS POUCO ENTENDIDOS): ATITUDE!!! Putz, não existem mais HOMENS... estava falando isso ontém com amigas, e hoje também, inclusive com um amigo, que tem me ensinado muito a como entender a cabeça destes seres do sexo "forte"... vou falar, só tem MOLEQUE neste mundo... um pior que o outro... tá difícil garimpar um Homem de verdade. E o pior de tudo, é que eles nos enganam no começo, nos fazem acreditar que são diferentes e tóinnnnnnnn, basta um tempo prá você ver que não mudou nada! ACORDEM homens, nós mulheres não queremos ombros largos, gominhos na barriga e músculos definidos nos braços (ou não só isso pelo menos... é um "up", mas não é o mais importante, entendam cabeçudos!); não queremos palavrinhas doces que não dizem nada, ou que só têm efeito na hora, depois passa... Aliás, nós trocamos tudo isso por um gesto de carinho e amizade de um baixinho, de delicadeza de um gordinho, de romantismo vindo de um tímido/introvertido, por uma música recebida de um de braços nem tão musculosos, ou até mesmo a tirada prá dançar de um feinho, mas cheio de atitude! Saradinhos, parem de se preocupar qual vai ser o próximo aparelho para definir os bíceps, tríceps etc, e tratem de pensar em como a sua mulher te vê, te sente, te quer... não é prá relaxar, claro... mas não adianta nada uma linda barriguinha de tanquinho, se a torneirinha for pequena e a cabeça cheia d'água!!!

Futebol é coisa de mulher?

"Nós, do sexo "frágil", crescemos ouvindo que futebol é coisa para homem. Fazer ballet, chorar sem motivo e comprar sapatos seriam “coisas de mulher”. Interessante, não? Pois bem… 22 homens – ou mulheres, hehe –, uma bola.


E alguns milhares de torcedores com desodorante vencido...

Objetivo final: o gol! Simples assim? Longe disso! São 90 minutos de suor, de bolas na trave, de faltas, de impedimentos mal marcados, de lances polêmicos. E o juiz? Fiiilho da puta!!!! Claro. Seja de um lado ou de outro. (É, mãe de juiz sempre sofre! Hehe).

Eu cresci em volta dos gramados graças ao meu pai (torcedor fanático) e ao meu irmão (ex-jogador que enveredou para outros caminhos e hoje é árbitro de futebol). Minha mãe achava um absurdo passarmos os domingos em frente à televisão acompanhando os campeonatos – e queria morrer quando me via gritando ou, até, xingando o pobre do árbitro e o time adversário.

Hoje a inserção das mulheres no esporte é tida como mais natural tanto nas arquibancadas como também nas coberturas, comentários e na prática. Vide Fátima Bernardes, Renata Fan, Milena Ceribelli. As jogadoras da seleção brasileira que deixam a arquibanca de queixo caído quando entram em campo. Sem falar na árbitra Sílvia Regina e na bandeirinha Ana Paula Oliveira que fizeram história.

O futebol não é “apenas” um esporte. É sinônimo de raça, amor e loucura para um país inteiro. Mais importante que as eleições, as contas a pagar ou a morte da sogra, o futebol é o único esporte capaz de unir todas as classes da sociedade. Do presidente ao porteiro da empresa, todo mundo tem sua própria “análise” da rodada do fim de semana.

Há quem proteste contra a apatia do povo diante dos problemas sociais em contrapartida ao amor pelo futebol. Mas o futebol está “no sangue”. E o equilíbrio é a chave de tudo. Torcer faz bem. Futebol é alegria. E as mulheres fazem parte disso dentro e fora de campo.

Tem até muita mulher que entende mais de futebol que alguns cuecas por aí. Estes, aliás, estão cada vez mais acostumados com a presença feminina nos estádios. Vibramos juntos, cantamos juntos, quebramos tabus. É claro que a presença masculina é muito maior. O que afasta a mulherada do estádio é a violência, assim como a falta de educação de uma minoria machista que freqüenta os jogos.



Dá conta de fazer igual, Pelézinho?

Mesmo assim, continuamos sofrendo pelo nosso time do coração, vibrando pela seleção brasileira… unidos por uma mesma paixão. Só é uma pena o futebol feminino não ter conquistado o mesmo espaço na mídia que o masculino tem. Mas isso é questão de tempo, porque o talento das meninas é inquestionável!

Então, futebol é coisa de mulher? Na verdade, futebol é coisa de todo mundo. Do presidente, do gari, do jogador, da dona de casa e de mulher também! Estamos aí pra torcer e discutir com vocês (de igual para igual) todos os lances polêmicos dos gramados. Tudo isso sem, é claro, perder a elegância. O que nos torna torcedoras especiais e essenciais. De salto alto, mas sempre “de olho no lance”!

(Publicado por Marcia Batista em 03.11.2008 às 19:52 )

****************************************
Ci>> Não sou a única que senta na mesa na hora do almoço com os rapazes do trabalho prá discutir futebol viram??? gosto mesmooooooooooooooooo, e daí? Carol e Duda, melhor vcs aprenderem e se juntarem a mim do que ficar aí se fazendo de "oh! como sou delicada e odeio esse assunto!!!" e humpf!

Olhe para o mundo com bons olhos


"Você vê a vida da maneira que escolhe olhar para ela. As coisas não são do jeito que você vê. Elas são do jeito que você é. Busque uma nova consciência na sua observação de tudo a sua volta. Evite pensamentos rígidos pois nem tudo é o que parece ser. "



Aqui estamos outra vez a caminho do futuro, entregues ao presente. O presente é este momento, o agora, o já. Apesar de estarmos sempre semeando o futuro, hoje é o dia de colher o que foi plantado ontem. É impressionante como esta equação simples, cria tanta confusão na aritmética da vida.
Hoje é um direito. O amanhã é um projeto. O ontem, uma responsabilidade, uma dívida ou uma herança.Como será impossível modificar o ontem. Aproveite o seu hoje muito bem, porque amanhã ele será uma cobrança ou um crédito.
Neste momento você tem chance de fazer escolhas para salvar, ou reafirmar o seu ontem. Agora também você pode fazer a escolha que vai garantir o seu amanhã. Por isso, viva este dia investindo o que você tem de melhor, principalmente suas virtudes.
Viva este dia com força de vontade. Explore ao máximo suas qualidades e seus dons e entregue-os a bons objetivos.O sol, o céu, o vento, a chuva, os seus amigos, seus companheiros de trabalho, o seu amor, a sua família, estão prontos para aplaudir a sua a-present-ação...

Luzes...Ação... No ar deste dia... VOCÊ.

(do site do primeiroprograma.com.br)
*******************************************************************
Independência>> A dependência acontece quando você acredita que os outros são responsáveis por sua felicidade. Nesse caso, não há crescimento pessoal, você não consegue desenvolver a mente e o pensar, e não é você mesmo. Se você deseja ser independente, comece a ter responsabilidade por sua própria vida; reconheça o seu valor e use-o! Só tenha o cuidado de não se transformar em uma pessoa individualista. É por isso que o estado mais valioso é o da interdependência. Ele acontece quando você desenvolve o seu senso de identidade e auto-respeito e passa a cooperar com os outros. (por Brahma Kumaris)

Uma flor selvagem... o amor!


O amor é uma escultura que se faz sozinha. É uma flor inesperada sem estação do ano para surgir nem para morrer. Vai sendo esboçada assim ao léo: aqui a sobrancelha se arqueia, ali desce a curva do pescoço, a mão toca a ponta de um pé, no meio estende-se a floresta das mil seduções.

Imponderável como a obra de arte, o amor nem se define nem se enquadra: é cada vez outro, e novo, embora tão velho. Intemporal. Planta selvagem, precisa de ar para desabrochar mas também se move nos vãos mais escuros, em ambientes sufocantes onde rebrilham os olhos malignos da traição ou da indiferença, e a culpa o pode matar.

O convívio é o exercito do amor na corda bamba. Os corpos se acomodam, as almas se espreitam, até se complementam. Mas pode-se cair no tédio – sem rede –, e bocejar olhando pela janela. Inventamos receitas para que o amor melhore, perdure, se incendeie e renove... nem murche nem morra. Nenhuma funciona: ele foge de qualquer sensatez, como o perfume das maçãs escapa num cesto de vime tampado.

Se fossemos sensatos haveríamos de procurar nem amar, amar pouco, amar menos, amar com hora marcada e limites. Mas o amor, que nunca tem juízo, nos prega peças quando e onde menos esperamos. Nunca nos sentimos tão inteiros como nesses primeiros tempos em que estamos fragmentados: tirados de nós mesmos e esvaziados de tudo o mais, plenos só do outro em nós. Nos sentimos melhore, mais bonitos, andamos com mais elegância, amamos mais os amigos, todo mundo foi perdoados, nosso coração é um barco para o qual até naufragar seria glorioso (ah, que naufrágios...).

Mais que isso, nesse castelo – como em qualquer castelo – não pode haver dois reis. Quem então cederá seu lugar, quem será sábio, quem se fará gueixa submissa ou servo feliz, para que o outro tome o lugar e se entronize e... reine?

A palavra “liberdade” teria de ser mais presente, porém é mais convidada a discretamente afastar-se e permitir que em seu lugar assuma o comando alguma subalterna: tolerância, resignação, doação, adaptação. Rondando o fosso do castelo, a vilã de todas a culpa.

Quem deixou sobre minha mesa o bilhete dizendo “se você ama alguém, deixe-o livre” sabia das coisas, portanto sabia também o desafio que me lançava. No mundo das palavras há tantos artifícios quantas são as nossas contradições. Por isso, conviver é tramar, trançar, largar, pegar, perder. E nunca definitivamente entender o que – se fossemos um pouco sábios – deveríamos fazer.

Farsa, tragédia grega, outras soneto perfeito: o amor, com as palavras, se disfarça em doces armadilhas ou lâminas.

(por Lya Luft - do blog primeiroprograma.com)

******************************

Ci>> Ser amado é fácil, é cômodo, é gostoso, nos faz sentir bem, massageia o ego, nos faz andar em nuvens... receber carinho, amor, compreensão, um bom dia inesperado, uma boa noite de surpresa, flores, poesias, presentes, carinho... ser surpreendido por alguém é muito bom.
Mas AMAR alguém é uma arte. A arte de doar-se sem esconder-se atrás do sentimento, sem fingir, sem dissimular o que existe, sem egoísmo e orgulho... de deixar que o ser amado escolha estar ao seu lado ou não; escolha onde ir e quando voltar; escolha quando deve chegar e se deve partir... escolha com quem estar, mesmo que este "quem" não seja você. Amar não é dizer eu te amo, mas demonstrar através de gestos ou qualquer outra forma, o quanto o outro é importante em sua vida, e que sua ausência é sentida, assim como sua presença é festejada. Amar é doar o melhor que temos dentro de nós e não pedir absolutamente nada em troca (nem reconhecimento). É falar em silêncio tudo o que se espera de alguém (pois amor não se cobra), esperar pela oportunidade certa, oferecer uma música que diz exatamente o que o coração quer falar e ler as formas do ser amado em uma canção... Não existe uma "list to do" de como amar, porque amar não é uma tarefa, portanto não há um "como", uma fórmula, um jeito certo, uma regra.
Amar é um sentimento, um estado de espírito, um estado da Alma. Amar é prá poucos, é prá quem sabe sentir o amor...

terça-feira, 17 de março de 2009

pensando no meu amorzinho...

“Eu sei e você sabe, já que a vida quis assim
Que nada nesse mundo levará você de mim
Eu sei e você sabe que a distância não existe
Que todo grande amor
Só é bem grande se for triste
Por isso, meu amor
Não tenha medo de sofrer
Que todos os caminhos
Me encaminham pra você…”
(Vinícius de Moraes)

******************
Ci>> ops... me explicando: todo pisciano é apaixonado pelo Vinícius de Moraes...

Uhuuuuu, eu tenho explicação!!!


O SOL EM PEIXES (O PISCIANO)

Principal Característica: a sensibilidade

Qualidade: a doação

Defeito: tendência a fuga

Dois peixes entrelaçados formam o signo de Peixes. É um símbolo misterioso, que merece ser estudado mais a fundo. Cada peixe está voltado para uma direção, e isso nos fala algo sobre a natureza dual desse signo. Um lado de Peixes está no mundo da imaginação, das percepções, da criatividade, da espiritualidade. O outro lado de Peixes está na mundo real. A dualidade de Peixes é que ele não pode estar apenas em um desses mundos. Quando ele fica apenas em um mundo, ele se desequilibra. Se um pisciano perde seu contato com o lado místico e espiritual é como se ele perdesse o centro da sua vitalidade. Ele se torna a imagem da desilusão. Porém, ele não pode renunciar ao mundo real, pois é do mundo real que depende a sua sobrevivência e de onde vem sua razão.
Sua habilidade de estar entre dois mundo é, a um tempo só, dilacerante e maravilhosa. Ainda tomando o simbolismo dos dois peixes, imagine que um seja de água doce e o outro de água salgada. Na confluência das águas, um peixe de água doce pode ir para a salgada e vice versa. Mas não por muito tempo, pois acaba voltando para o seu habitat. Igualmente, o pisciano transita entre dois mundos, sem no entanto poder permanecer por muito tempo em cada um. Ele busca a inspiração no Céu e retorna a Terra. Se fica só na Terra, sente falta do Céu, seu lugar de inspiração. Mas se fica só no Céu, nada pode fazer na Terra.
Tal situação, potencialmente tão singular, faz com que muitos piscianos demorem muito para se encontrar, e muitos nem se encontram. Esse é o signo da iluminação, da doação ao próximo, mas também é o signo da confusão e da energia desperdiçada.
Ainda trabalhando com o simbolismo do peixe, este é um animal silencioso, que vive em um mundo fluido e só sobrevive nele. Igualmente, Peixes é conhecido por sua adaptabilidade. Em essência, ele mais reage do que age. Isso não significa que não existam piscianos ativos. Obviamente que há muitos piscianos ativos, mas o que está se falando é de sua personalidade. Peixes reflete a personalidade dos outros onze signos. Ele é a soma de todos, e ao mesmo tempo não é parecido com nenhum. O pisciano é capaz de ter várias pessoas dentro de si. Ele é múltiplo e adaptável por natureza. Nada é muito rígido em seu ego.
Como se formou a personalidade do pisciano? Como todo signo da Água, a influência da mãe é mais forte sobre a vida do pisciano. Isso não significa que ele goste mais dela do que o pai, apenas que a influência dela é que moldou sua personalidade. De alguma forma, sua mãe lhe parece um tanto quanto sofredora. Ela tem muitas apreensões, medos e preocupações. O mundo lhe parece ameaçador de alguma forma. Ela também talvez faça um sacrifício por algo ou ao menos aparenta ser um sacrifício. Porém, essa é uma 'linguagem silenciosa'. Os medos de sua mãe estão sempre presentes e são reais, mas o que fica claro é que ela não lida racionalmente com eles, e sim de forma emocional. O pisciano capta esse humor da mãe ao mesmo tempo em que desenvolve uma sensibilidade que quase permite sentir o mesmo que a mãe sente. Se ela sofre por algum motivo, ele também sofre.
Deriva disso o fato de o pisciano ter a tendência a absorver as correntes de todos os ambientes em que fica. Como um camaleão, ele sempre está como o ambiente está. Ele tem dificuldade em separar o seu 'eu' do ambiente. Voltando ao simbolismo do animal que representa esse signo, igualmente o peixe é altamente vulnerável ao meio em que vive. Quando algo envenena a água, muitos peixes morrem. Porém, quando algo envenena o ar (e certamente a poluição o faz) os animais aeróbios tem mais resistência. Peixe e água são a mesma coisa, e a água, muito mais do que a terra, é um mundo sem fronteiras. Observe que a terra tem obstáculos, montanhas, desertos, enquanto a movimentação na água é um continuar sem barreiras. E para se movimentar na água, não é necessário ater-se ao chão.
Assim, o pisciano não só se mistura a tudo, tendo uma sensibilidade altamente desenvolvida, como também tem dificuldade em colocar os pés no chão. Um lado seu está preso ao sonho, a poesia, a criatividade. Por mais que queira, o pisciano nunca vai enxergar o mundo com frieza. Ele sempre reagirá emocionalmente a esse mundo, seja com tristeza, saudade, alegria ou sofrimento. Ele simplesmente não consegue controlar essa torrente de sentimentos que o invade. É a Água e ele está cercado dela.
Quais são os defeitos de Peixes? Talvez o mais forte deles seja a tendência a fuga. A mãe do pisciano nunca conseguiu solucionar seu dilema, de forma que ou sofria com sua hipersensibilidade ao ambiente ou 'esquecia' desse sentimento, desviando-se dele. Também o animal peixe é extremamente móvel e jamais ficaria empacado diante de um obstáculo. Ele simplesmente muda de rumo.
Isso revela flexibilidade, porém, mal utilizado, pode gerar tendência a fuga. Nenhum signo é capaz de sofrer tanto quanto Peixes, e por isso às vezes ele prefere fugir. Muitos piscianos, quando verdadeiramente confrontados, não gostam de fazer uma escolha. Seu 'eu' não foi feito para pontos finais, e as reticências, que parecem borbulhas na água, são muito mais adequadas para ele. Diante de problemas, muitos piscianos preferem evitar a dor. O signo mais sensível do zodíaco também pode ser insensível, quando finge que a dor não existe. Você conhecerá tanto piscianos empáticos para com o sofrimento dos outros como aqueles que parecem não ter uma palavra a dizer. Como foi dito, os piscianos vivem em dois mundos, sempre. Se forem empáticos demais, podem facilmente deixar de viver sua vida. Porém, isso teria de se afigurar como uma escolha consciente, isto é, o fato de doar-se porque quer, baseado em uma filosofia e em uma compreensão ampla e profunda do que significa a vida na Terra (lembre-se que Peixes é o signo que pode buscar inspiração no Céu). Porém, mal utilizado, isto é, sem consciência, o fato de dedicar-se tanto aos outros e viver a vida deles pode gerar ressentimentos e auto-destruição para o pisciano. Ele tanto é capaz de ser suave e desprendido, mas também pode ter um grande rancor dentro de si pelos sacrifícios que faz.
O segundo tipo, aquele que 'parece não ligar', evidentemente, sofre menos, mas também está alienado de sua verdadeira natureza. Na verdade, a maioria dos piscianos oscila entre os dois tipos. Em um momento são sensíveis e desprendidos, e no outro parece que estão confinados em seu próprio mundo, bem longe do mundo dos outros. É surpreendente que um signo possa ser excepcionalmente generoso e também manifestar uma indiferença tão desconcertante. Talvez, nos seus momentos de indiferença e isolamento em si mesmo, eles possam estar se recuperando da doação excessiva.
O que difere o pisciano involuído - que se vicia em algo ou tem uma vida caótica, como se estivesse esperando que alguém o salvasse, ou que 'salva' as pessoas mas tem um grande ressentimento por ter feito isso - do tipo evoluído é a consciência. Mais do que qualquer outro signo, Peixes precisa compreender porque está aqui e o que veio fazer. O tipo evoluído é tão dual quanto o outro, mas a diferença é que tudo o que faz é feito com consciência, com um propósito. Assim, ele pode ajudar desprendidamente, e quando se isola em seu mundo não é como reação rancorosa porque outras pessoas não reconheceram o que ele fez, e sim, porque sua energia realmente precisa ser refeita no silêncio.
A maioria dos piscianos está a meio termo entre os dois tipos. São capazes de demonstrar empatia e sensibilidade, mas por vezes se mostram confusos e vão para um mundo onde ninguém consegue alcançá-los. Oscilam emocionalmente, não de forma diária, como Câncer, mas por períodos. Estão alegres, tristes, serenos ou agitados e por seus rostos passam uma gama de emoções. Ajudam algumas pessoas com desprendimento, mas muitas vezes não podem ser ajudados. Principalmente quando querem se decidir pelo Céu e sonhar em ficar lá, ao invés de voltar a Terra. Nesse grupo você encontra aqueles que se apaixonam perdidamente pela pessoa errada ou que não suportam a vida cotidiana, cheia de limitações e barreiras (imagine sendo um peixe, que vivia em um mundo fluido e sem obstáculos, tendo que se adaptar a rusticidade da terra). Acreditam que a realidade destrói os seus sonhos e sofrem com sua dualidade inerente.
Como já foi dito, quando um pisciano sofre demais ele pode recorrer a fuga, e algumas dessas fugas podem ser: fingir que o problema não existe, prolongar o problema indefinidamente, acreditar em algo mesmo sabendo interiormente que não é verdade ou usar algum 'anestésico'. Qualquer anestésico. Pode ser a bebida, as drogas, o sono excessivo, festas, a falsa alegria, não importa, são coisas que o 'desligam' daquilo que ele está sentindo. Haveria diferença se usassem isso uma vez e com critério, mas a verdade é que na maioria das vezes quando um pisciano utiliza um 'anestésico' ele o faz sem critério algum. Poucos tem disciplina, porque para ter disciplina é necessário desenvolver a consciência, e uma vez que se faz isso, surgem responsabilidades, o pisciano invariavelmente acaba sentindo que tem uma missão em vida e precisa cumpri-la.
Peixes é o último signo do zodíaco e o mais misterioso. Seu mundo é amplo, sutil e complexo. A missão de todo pisciano é evoluir. Talvez seja a missão mais difícil de todo o zodíaco. Peixes é o signo que precisa crer que há um Céu (pois ele mesmo o pressente), mas aplicar seus conhecimentos na Terra. Ele é a ponte entre os dois mundos e o desenvolvimento de sua personalidade passará por tarefas difíceis, como estar unido ao mundo e ao mesmo tempo ter sua personalidade e fazer algo pelas pessoas, sem no entanto 'sacrificar' algo dentro de si, ter empatia mas não deixar-se influenciar por ela. São muitas tarefas e cada pisciano terá sua própria maneira de resolvê-las ao longo de sua vida.


**********************************
Ci>> ahhh tá, entendi!!! entenderam??? rs