quinta-feira, 12 de março de 2009

A Mulher de Peixes...


"Bem, o Que é você? disse o Pombo - Posso ver que está tentando inventar alguma coisa!

- Eu... eu sou uma menina - disse Alice, meio desconfiada.

Por fim, ela encontrou se num belo jardim, entre brilhantes canteiros e fontes frescas."


A fila fica à direita. E, por favor, não empurre. Talvez não haja bastantes mulheres de Peixes para todos os homens, mas isto não é motivo para você tumultuar. Você tem de aguardar sua vez, e esperar pelo melhor.

Mesmo sem a astrologia, já se difundiram os rumores sobre os encantos da mulher de Peixes. Ela tem seus pontos negativos, é certo, mas à primeira vista, ela é a namorada da escola primária de todos os homens, com talvez um toque de coelhinho do Playboy para juntar alguma pimenta. Podemos muito bem admitir que a mulher moderna, emancipada, com sua imagem moldada em ferro, elevou ainda mais o valor da moça de Peixes. Livre de toda aquela mística feminina nublando o ar sobre a pista do amante, a recatada, bela e indefesa criatura de Netuno tem de enfrentar os homens com grandes cajados.

Não é de surpreender que ela seja tida em alta estima. Casada ou solteira, a mulher de Netuno raramente procura ofuscar seu homem. Ela não tem o menor desejo oculto, neurótico, de dominá lo, seja de que modo for. Ele pode puxar a cadeira para ela sentar se, pôr lhe o casaco chamar o táxi, acender lhe o cigarro e dizer lhe o quanto ele é maravilhoso para satisfação do próprio coração. Tudo o que deseja é que ele a proteja e cuide dela. Ela se sente muito feliz e contente em se reclinar nos ombros largos dele demonstrando com os olhos arregalados e maravilhados, quão forte ele é e o quanto ela precisa dele neste mundo assustador. Pense só naqueles lobos que estão lá fora, à espera, para devorar o Chapeuzinho Vermelho. É o suficiente para fazer com que uma garota se prepare para aspirar seus sais. Mesmo que ela não seja tão vitoriana assim (embora muitas moças de Peixes o sejam), será uma encantadora ouvinte de todos os seus problemas, e uma boa companheira em todas as crises.

A mulher de Peixes acha que seu companheiro, amante, namorado, irmão, pai a rigor qualquer homem é capaz de vencer o mundo todo com as mãos amarradas nas costas, e é surpreendente como um pequenino toque de sua fé é o bastante para convencê los do mesmo, sendo os homens como são. E ainda se admira de que ela seja tão popular? A moça de Peixes é um porto abrigado e tranqüilo para seu marido orgulhoso, bem longe dos ruídos do tráfego e das máquinas de perfurar fitas. As luzes no seu lago são veladas e suaves. Acalmam os olhos irritados pelo neon e por aqueles algarismos idiotas do mercado da bolsa que ela não pode entender como salvam sua vida. (Se bem que, se isso for verdade, ela vai já fazer ponta no lápis.)

No inverno ela usa luvas fofas de angorá. Na primavera, elegantes saias rodadas. Os verões a encontram metida num reduzido biquíni. No outono, ela se mostrará adorável, sentada ao seu lado no jogo de futebol, com as mãos em seus bolsos para aquecê las, e perguntando pelo escore. Em todas as estações, ela é eternamente feminina. Sem o menor risco de exagero, os homens são atraídos por ela como os abelhões por um pote de mel.

Uma breve palestra com ela, e o homem relaxa instantaneamente. Ele imagina uma lareira brilhante crepitante numa noite fria de inverno, ou se vê numa rede num fragrante dia de primavera, sem ninguém para aborrecê lo. Ela deixa claro que jamais o censurará por quaisquer problemas que surjam em sua carreira ou quaisquer erros que cometa. Serão sempre culpa de outra pessoa. Não do seu homem. Ela jamais há de pressioná lo para que se apresse a avançar. 0 passo dele está perfeito com o dela. Preciso explicar porque a mulher de Peixes é a outra mulher mais perigosa de todos os signos solares? Lampejo! Aviso aos navegantes: depois do casamento ela pode cutucar um pouco. Para falar a verdade, pode mesmo se exceder. Num certo sentido isso serve para você deixar de se ofuscar tanto com os encantos dela. Em muitas ocasiões ela será até pungentemente sarcástica, mas toda mulher tem seus defeitos, e a moça de Peixes será muito mais freqüentemente gentil do que brigona. É preciso que seja atormentada por uma extrema crueldade ou indolência do companheiro para se transformar numa víbora e quem vai dizer que um marido cruel ou indolente não merece isso? Não eu. Eu estou com ela.

Além disso, sua deleitável feminilidade supera quaisquer pequenos defeitos, e na maior parte das vezes, a típica moça de Netuno é delicada, sonhadora e feminil. Já que o Peixe nadem ambos os sentidos de uma só vez, ela se adapta muito bem e com toda a calma às situações conflitantes que transformariam outras mulheres em feixes de nervos. Naturalmente, de vez em quando, algumas palavras ásperas e uma certa irritação podem explodir de sua corrente de pensamento normalmente plácida. Eventualmente, uma sensível mulher de Netuno que foi maltratada na infância, permitirá que a amargura separe os dois peixes simbólicos do seu signo e isto pode ser muito triste. Ela se toma uma pisciana solitária e infeliz, nadando sempre furiosamente sem nunca sair do lugar onde mergulha para fugir jamais percebendo que a introversão de seu amor e' simpatia infinitos é um verdadeiro veneno. As drogas, a bebida e as falsas ilusões escondem dela a verdade, e fazem com que deixe de ver os escolhos no rio capazes de destruí la. Porém a média das moças de Netuno mantém ambos os peixes simbólicos firmemente unidos atuando suavemente, primeiro para trás, depois um pouco para a frente, de modo que você nunca sabe exatamente em que sentido ela está indo. Diz se que Peixes é um mar misterioso e profundo, para o qual correm todos os rios. Você terá melhor chance de agarrá la se conhecer alguns de seus enganosos segredos. 0 que a faz nadar?

Em primeiro lugar, ela é sutil. Pergunte a Nicky Hilton, Michael Wilding, Eddie Fisher e Richard Burton cada um dos quais desposou uma mulher de Peixes. A rigor, o mesmo Peixe. Ela não é apenas sutil, às vezes é bastante fingida quando exercita a arte de envolver você em seus brincos de esmeraldas.

Você pode conhecer uma dama de Netuno que use um avental de algodão e um sorriso tímido, e que seja a síntese da dona de casa devotada, bem como da esposa e mãe temas. Você acha que ela não é nem sutil nem fingida. Desculpe a minha franqueza, mas você está errado. Quanto àquela dama de Peixes que você acha ser diferente, eu a conheço também, ou pelo menos uma igual a ela. É uma viúva que mora no Bronx, e se chama Pauline. Usa também um avental de algodãozinho e tem um sorriso tímido. COMO pode uma tal Imagem da Fazendeira Fannie ser sutil ou enganadora? Vou lhe dizer. Primeiro que tudo, ela envolve todos nos cordões de seu avental. (Não tem brincos de esmeraldas. Talvez no ano que vem.) É uma mulher baixa, que conseguiu suportar a perda de um filho querido, um coração partido, o tédio, a tragédia, o medo, a Pobreza, e até a confusão de alguns breves momentos de riqueza. Ela tratou de garotos com os joelhos esfolados, de aparelhos dentários, de galochas perdidas, de um marido desleixado que, nos domingos, se metia em sua cozinha muito limpa e da maior mistura de parentes por afinidade, todos falando oito idiomas ao mesmo tempo como você jamais viu fora das Nações Unidas. Enfrentou toda esta confusão do destino como Rocky Graziano. Isto é ser gentil? Isto é ser delicada? Até este momento, seus dois filhos a consideram uma criatura encantadora, infantil, indefesa, agitada e meiga, que precisa ser protegida, e que é incapaz de compreender como funciona a fechadura na porta da frente.

Ela é deliciosamente vaga e sonhadora. Nada sabe sobre economia, mas consegue apresentar se como se fosse vestida por Sophie de Saks, preparar com freqüência jantares de sete pratos para vários netos, pagar o aluguel em dia, e dar delicados presentes nos feriados e nos aniversários tudo com uma renda equivalente mais ou menos a uma gorjeta de Jack Benny. Ela tem o amor e afeição de duas noras, e de um grupo incoerente formado pelo bibliotecário, o porteiro do edifício, o dono da casa de especiarias da esquina, o fruteiro, meia dúzia de gatos vagabundos e crianças, o açougueiro, o garoto que entrega os jornais e, você acreditaria? Até o senhorio. Ela pode ter um inimigo. 0 homem que ela deixou antes de se casar com o atual marido. Provavelmente ele foi para a Legião Estrangeira, desapontado, e agora duvido se ela ainda se lembra do nome dele. Mulheres sem coração, essas mulheres de Pisces. Sutis e enganadoras. (Mas não tente dizer isso aos vizinhos delas.)

Como os ventos de março, serão várias as disposições de espírito de sua garota de Peixes. É terrivelmente sentimental, e quando seu sentimentos são feridos, é capaz de derramar baldes de lágrimas. Ela lhe lançará um olhar tão reprovador que você vai se sentir como se acabasse de atirar num coelhinho. Às vezes as mulheres de Peixes acham que estão insuficientemente equipadas para as batalhas ferozes e carecem da ambição impulsiva exigida para sobreviverem. Instala se, então um estado de depressão. Nestas ocasiões, você precisa dizer lhe que ela é admirada por todos que desfrutam da graça de serem seus amigos, por sua profunda sabedoria e abençoada compreensão. É comumente o evangelho da verdade. A lição mais difícil que ela tem de aprender é: superar sua timidez e suas dúvidas. Se seus temores forem muito fortes, fecha se em si mesma, foge dos outros, e põe se a imaginar por que vive tão só. Muitas vezes tem medo de estar se impondo, pressionando demais, aproveitando se, quando tudo isto não existe senão em sua cabeça.

De vez em quando uma moça de Pisces procura ocultar sua timidez e vulnerabilidade com gracejos, com o sofisticado verniz de uma personalidade fria e independente, porém tudo não passa de um manto protetor, usado para esconder sua insegurança dos olhares perscrutadores de pessoas rudes, que arranhariam seu delicado coração, se ela o expusesse. Conheço uma que extravasa sua verdadeira alma escrevendo adoráveis letras para canções, com uma mensagem secreta urdida nas sombras de seus doces sonhos privados. Quando não está escrevendo, ela é a imagem da mulher empedernida, carreirista, que quer que os outros vejam. Contudo, mesmo este tipo de Pisces é incapaz de combater seu signo solar. Com toda a sua pretensa independência, espera na calçada. que o homem chame o táxi para ela. No que respeita às mulheres de Netuno, há algumas coisas que ninguém faz: uma delas é não agir como uma dama em público. Ela engana uma porção de homens que podiam acalmar seus medos jnteriores e fazer com que recolhesse sua afirmativa freqüente de "Quem precisa de um marido? Eles só servem para atrapalhar sua vida." Imagine uma declaração dessas feita por uma pisciana, que tem mais necessidade de pertencer a alguém do que de comer, dormir ou respirar.

A moça de Peixes dará todo o seu coração para os filhos, exceto aquele grande pedaço que reserva para você. Ela há de adorar todos eles, porém os mais feios, os mais fracos, os menores ou mais doentes levarão urna pequena vantagem. Só uma estrela de cinema de Pisces renunciaria aos seus queridos cheios de covinhas e adotaria urna criancinha inválida e de olhar assustado. As mulheres de Pisces são as mais notáveis do mundo para compreenderem a timidez dos garotinhos e aos angustiantes problemas das adolescentes. A mãe pisciana tece milhares de sonhos sobre cada bercinho. Sacrificará tudo para que os filhos tenham o que ela não teve quando criança. Ela pode ser indulgente demais. Ê lhe difícil disciplinar, e ela deve compreender que a falta de firmeza é, não raro, tão ruim quanto a negligência. Num certo sentido, ela negligencia a formação dos pequenos caracteres que estão aos seus cuidados, e que precisam de uma firme orientação para ap renderem a nadar sozinhos. Se for dada a muita brandura, explique lhe bondosamente. Ela compreenderá sem amargor, e começará a dar trabalho à escova de cabelo. Ainda assim, muitas mães netunianas conseguem estabelecer um meio termo entre a disciplina e a bondade, e seus filhos a honram por isso.

A mulher de Pisces permitirá com toda a alegria que você ganhe o sustento. É provável que ela prefira não entrar na brutal competição do mundo comercial, a menos que você necessite imperiosamente que ela o faça. Aliás, ela já passou demais por esta situação (se for realmente uma garota de Netuno) quando trabalhava para aquela companhia grande e confusa, enquanto aguardava que você fosse salvá la. Algumas, porém nem todas as mulheres de Pisces, são um bocadinho esbanjadoras. Ela pode precisar de auxílio para ver por que o extrato de sua conta do banco não corresponde às anotações dos canhotos de seus talões de cheques, escritas em sânscrito. No entanto, quando uma emergência a obriga a mudar o seu gosto pelo champanha para a do leite espumoso compatível com sua carteira, consegue adaptar se.

Ela ouve o oceano, e ele lhe diz coisas. No meio da cidade, ainda ouve as ondas de Netuno, murmurando ao seu coração de Peixes mais talvez do que ela quer saber. Não se esqueça do aniversário dela, do casamento ou do dia em que a pediu em casamento. Ela não esquecerá. Sempre me lembro da amiga de Pisces com quem freqüentei uma escola em West Virginia. Era pequenina, com longos cabelos escuros e aquelas estranhas luzes de Netuno brilhando nos olhos verde castanhos. Casou se (entre vários outros homens) com um grande astro do futebol; inesperadamente, fugiram para casar se. Lembro me de quando ela lhe perguntou por que ele a havia pedido. Ela estava curiosa. "Bem" disselhe ele "foi a coisa mais engraçada, Baixinha. Eu não tinha a menor intenção de propor lhe casamento naquele dia. Estávamos no parque, perto da piscina. As garotas que estavam ali nos bancos, se queimando ao sol, tinham os cabelos molhados e escorridos, e todas estavam quentes e suadas, Você se achava sentada embaixo de uma árvore, com um vestido de renda branco, e parecia tão fresca e diferente das outras... Você parecia... bem, eu achei que você mais parecia uma garota."

Este é o segredo sutil da mulher de Pisces. Quer atenda ao apelo de Netuno como uma freira dedicada num convento ou como uma cantora sufocante num barulhento clube noturno é urna garota. Totalmente uma garota. Cem por cento."

(autor desconhecido)

♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•* ♥¸.•*

Mulher de Peixes… peixe é

Em águas paradas não dá pé

Porque desliza como a enguia

Sempre que entra numa fria.
Na superfície é sinhazinha
E festiva como a sardinha
Mas quando fisga um namorado
Ele está frito, escabechado.
É uma mulher tão envolvente
Que na questão do Paraíso
Há quem suspeite seriamente
Que ela era a mulher e a serpente.
Seu Id: aparentar juízo
Seu Ego: a omissão, o orgulho
Sua pedra astral: a ametista
Seu bem: nunca ser bagulho
Sua cor: o amarelo brilhante
Seu fim: dar sempre na vista.

(VINICIUS DE MORAIS)

****************************************************
Ci>> Não falei que eu não sou pescada??? rs... que lindo! Muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito obrigada, amei!!!!!! (para as minhas amigas de peixes tbem! bjs meninas, mandei por email tbem!)

Um comentário:

  1. Ownn :3 bom.. infelizmente não sou pisciana, mas amei o texto <3

    ResponderExcluir